Pages

segunda-feira, 6 de abril de 2009

O tempo urge

"Quem perde o tempo eterna perda chora."
Edilson Brasil Soares

Os que estudaram no mesmo colégio onde eu estudei vão lembrar dessa frase. Ela sempre ficava exposta em cima dos quadros, nas colunas, nos banners ou em qualquer outro local bem visível. Parecia uma tentativa de nos fazer gravar essas palavras.

O interessante é que, na época do colégio, eu não dava tanta importância a ela. Parece que quanto mais jovens somos, mais imortais nos sentimos e, assim, pensamos que a vida é uma jornada tão grande que nem vale a pena imaginar sua imensidão.

Mas aí ficamos mais velhos. As atribuições aumentam. Os amigos se casam. Pessoas se vão. Os anos passam mais depressa. E a brevidade da vida começa a se tornar mais patente. Começamos a olhar para o tempo com outros olhos.

O tempo não volta (exceto no De volta para o futuro). E a vida é curta. O que fazer então?

A Bíblia nos dá uma lição bem clara acerca dessa questão:


Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, e sim como sábios, remindo o tempo, porque os dias são maus. Por esta razão, não vos torneis insensatos, mas procurai compreender qual a vontade do Senhor.
(Efésios 5.15-17)


O contraste é visível: Os sábios querem remir o tempo, os néscios não. Percebam também a ligação que é feita entre a qualidade do tempo remido e a vontade de Deus. O que Paulo quer dizer nessa passagem é que tempo bem aproveitado é tempo investido fazendo a vontade do Senhor.

E, assim, a frase do Sr. Edilson se mostra tão pertinente e, de fato, digna de ser lembrada.

Quando chegarmos diante de Deus, prestaremos conta de todos os nossos segundos. E, então, lamentaremos por aqueles que usamos não fazendo a vontade dEle.

Em Cristo,

Felipe Prestes

2 comentários:

Carlos Bezerra disse...

Esta é realmente uma ALERTA importante. "Não percam tempo." Ah, se eu pudesse voltar atrás em algumas etapas da minha vida. Mas como não posso, hoje tento aproveitar meu pouco tempo de maneira mais consciente, pois descobri a duras penas o valor e preciosidade do tempo. Ele realmente passa e passa! Obrigado pela alerta Felipe.

Karine =) disse...

WOW...disse tudo!