Pages

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Desligar

LOGOFF~1

413200975939PM

Quero aproveitar o ótimo paralelo, feito por meu parceiro de blog, em sua última postagem, entre a vida cristã e a informática. Foi formidável e muito edificante o seu ensino sobre os momentos em que precisamos “reiniciar” nossa vida espiritual. Agora quero tratar sobre o “desligar”.

Desligamos nosso computador quando tudo o que tínhamos a fazer foi realizado. Constatamos se não resta mais nada a ser feito e decidimos que estamos prontos para desligar. Após clicar na opção “desligar”, o sistema nos avisa “Seu computador pode ser desligado com segurança”.

O apóstolo Paulo demonstrou que ele “estava pronto a ser desligado”. Em Atos 20:17-24 encontramos um testemunho emocionante do seu trabalho e sua decisão de “desligar”.

No final de sua terceira viagem missionária, Paulo decidiu chamar os presbíteros de Éfeso para dar suas últimas recomendações. Seu relato tem um profundo tem de despedida. Ele mesmo afirma “não vereis mais o meu rosto”. Era como se Paulo estivesse averiguando se não havia mais nada a fazer, finalizando seu trabalho e pronto para desligar.

Ele concluiu que havia finalizado sua obra (18-21). Três grandes viagens, muito trabalho fora realizado, muitos anos se passaram, estava na hora de desligar. Paulo sabia que era chagada a hora. Ele estava indo a Jerusalém e não sabia o que aconteceria, sabia apenas que iria sofrer muito (23).

Havia algo, porém, reconhecido por Paulo, muito mais importante e interessante. O apóstolo sabia estava pronto para ser desligado. Ele disse “não considero a vida muito preciosa para mim, mas o completar a minha carreira e meu ministério”. Após completar o ministério proposto a ele por Jesus, o apóstolo dos gentios estava pronto para ser desligado com segurança. Não havia mais nada a ser feito, estava na hora de partir para os braços tranqüilos do Pai.

Assim como Paulo, também temos um trabalho a ser feito neste mundo. Fomos chamados para obedecer a Deus aguardando a volta gloriosa de Jesus (Tt 2:11-14). A pergunta que nos resta a fazer é: Já podemos ser desligados com segurança? Se morrêssemos hoje, como chegaríamos à presença do nosso Deus? Já terminamos nosso trabalho, ou ainda estamos no “modo de espera”?

Mais uma vez, que possamos dizer em uníssono com Paulo:

“Combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé

2 Timóteo 4:7

5 comentários:

Felipe Prestes disse...

Muito bom, Neto.
Gostei do que você disse sobre o modo de espera.
Acho que o próximo post será sobre o stand by, quando o computador está ligado, mas não faz nada.
Esse é o caminho para a aplicação das escrituras: usar situações da nossa vida prática para explicar assuntos espirituais.

Um grande abraço.

Em Cristo,

Felipe Prestes

Sanábia Aguiar disse...

Hehe...eu citei exatamente para dar a idéia...é bom fechar o ciclo reiniciar desligar e modo de espera!
Abraço imrão,

Neto

Caetano disse...

Caro Felipe,

Estou sentido falta de suas postagens.
Se é por falta de tempo por conta dos preparativos para o casamento está perdoado.
Enquanto isso, fico aqui revendo postagens anteriores.
Um abraço!

Hapi disse...

hello... hapi blogging... have a nice day! just visiting here....

Kelly Motta disse...

Esse blog vicia não consigo parar de ler.